Férias 2012 – Budapeste

Publicado: 29 de julho de 2012 em Viagens

29/06/2012 – Budapeste

Logo após o café da manhã, fizemos o tour.

Amei a cidade. Budapeste é a união de duas cidades – Buda e Peste, separadas pelo Rio Danúbio e unidas por pontes. A travessia pode ser feita por meio de barco, transporte público, carro ou a pé. Tudo muito fácil. Buda é o lado mais antigo e Peste é o lado mais comercial. Diferente de Praga, é uma cidade mais aberta e com mais opções para se ver e fazer. Dois dias não são suficientes para ficar em Budapeste. É um lugar para voltar, ficar no mínimo 4 dias, se a programação estiver definida. Descobri isso depois de estudar o mapa da cidade, coisa que só consegui fazer depois que saimos de lá.

A comunicação não é muito fácil porque nem todos falam inglês. Cartões de crédito às vezes não funcionam e muitos lugares não aceitam outra moeda que não seja o Florint, moeda local, já que ainda não adotaram o Euro, apesar de estarem na União Europeia desde 2004.

Como não sabiamos disso, não fizemos câmbio por causa do pouco tempo que teríamos livre. Nosso almoço foi pago em Euro, que eles aceitam (só notas) e devolvem o troco em moeda local. Para quem tem tempo na cidade, vale a pena. Não era o nosso caso.

O tempo que tínhamos já estava comprometido. Fizemos o tour noturno – jantar típico com show e depois passeio pelo Rio Danúbio. O show foi bom e o jantar razoável. Melhor mesmo foi o passio pelo Danúbio. Imperdível!

Acabou o dia e o nosso tempo em Budapeste também. Uma pena!

Alguns registros:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s