Korea_13/07/2011

Publicado: 13 de julho de 2011 em Viagens
Saímos às 8h. Hoje o dia promete. De volta para Seoul, tivemos algumas paradas.

Conhecemos uma plantação de Ginseng na KimChi Farm, perto de Seoul. Nos disseram que há muitas espécies de Ginseng no mundo inteiro e uma grande diferença de qualidade entre eles. Por meio de pesquisas, descobriu-se que há uma espécie de essência dentro dele e quanto maior a quantidade dela, melhor é a sua qualidade. Aqui há cerca de 30 tipos dessa essência o que torna o ginseng coreano um dos melhores do mundo. O tempo ideal para colheita é de 6 anos.Mais do que isso, ele suga toda a energia da terra. Na Korea, o plantio é controlado pelo governo. O agricultor planta e o governo colhe. A forma de plantio é especial e secreta. Crianças e jovens tomam pó de ginseng e os adultos a sua essência. Nós ficamos na saudade. Experimentamos, mas não pudemos comprar porque não há venda no lugar que visitamos. De qualquer forma, foi ótimo porque nos divertimos muito.

Também paramos em Suen para vermos a muralha que circunda a cidade Suenhasoun. Difícil é decorar esses nomes! Nem sei se é assim que se escreve. Quando há placa, a sacada é tirar uma foto em frente para registrar o local. Só que nem sempre é assim – muralha não tem placa. rsrsrs

Chegamos em Seoul às 13h. Dá para ver que é uma cidade muito bonita. Hoje almoçamos Barbecue. Sem chance de ficar livre do foguinho da mesa. Estou até ficando repetitiva, mas… A única diferença é que podíamos escolher os ingredientes. Peguei um porquinho picante! Eu deveria saber que aquela corzinha vermelha não era tomate. Os ingredientes tinham nome em inglês e teve gente que comeu “Buldog”com certeza absoluta que não era cachorro. Preferi não arriscar.

Depois do almoço fomos até a Torre de TV pelo Namsan Cable Car. Que vista da cidade! Aproveitamos para ver ali perto a Namsangol Hanok Village, uma vila em miniatura que representa as casas de antigamente, época do Príncipe VIII.

Na sequência, fomos às compras. Dois shoppings lado a lado. Um de pechincha e o outro não. Como não estava a fim de comprar roupa, só andei pelos dois. No primeiro, as coisas possuem um preço bom depois da famosa pechincha, o que demanda um tempo que não tínhamos. No segundo, os preços não são tão bons. Há alguma coisa razoável e o mais interessante é muita coisa coisa se parece com o que temos no Brasil em lojas famosas. Acho que eles devem comprar por aqui e dizem que a confecção é deles. Foi essa a sensação que tive.

Para finalizar, jantamos um franguinho inteiro dentro de uma cumbuca, com caldo. Cada um recebeu essa mistura que podemos chamar de canja coreana. Espero que minha meta seja alcançada aqui. Só faltam 6 kg!

Estamos no Niagara Hotel. Parece ser bom.

Anúncios
comentários
  1. Ellem Zimpeck disse:

    Regina eu e seu compadre estamos te seguindo,maravilha…bjos
    Ellem e Julião

    • eidregina disse:

      Ellem, estou apanhando com esse blog. Pena que não consigo colocar as fotos. A viagem está sendo muito legal. Como foi de aniversário? O Rames falou que mandei um beijo? Eu estava em trânsito no dia. Parabéns. Grande bj para você e pro Ju. O seu é especial.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s